sábado, março 04, 2006

Tanto amor

Tanto amor

Levo a vida desse jeito
E levo sem pudor
Muito mais pobre seria
Se não te desse tanto amor

Lá no vale da alegria
Onde canta o sonhador
Perderia minha vida
Se não levasse o meu amor

Não posso querer mais nada
Nessa vida de escritor
Se não a tivesse do meu lado
Me trazendo seu calor

É assim que vivo alegremente
Onde voa um beija-flor
Não te beijaria assim tão contente
Se não tivesse teu grande amor
Ludiro
02/03/2006

2 comentários:

Anônimo disse...

lindo ,lindo verdadeiro poeta.

helena disse...

lindo ,lindo verdadeiro poeta