terça-feira, outubro 24, 2006

Afrodisíaca

Afrodisíaca

Dizia cá,
Ao passar por lá,
Afro perfumada,
Flor ingrata,
Presente de Iemanjá,
Desejada por todos
Ao respirar...
Afro(disíaca)
Demente, danada,
Deixando aguçado
Todo olfato,
De fato,
Ao seu passar.
Ludiro
29/06/2006

4 comentários:

RÚBIA BOURGUIGNON disse...

Bom gosto e sensibilidade num belo jogo de palavras. Talento indiscutível, parabéns! O meu abraço.

Jesus Ramos disse...

Parabéns, Ludiro! Adorei ler!

VANIA Staggemeier disse...

lINDA SUA SENSIBILIDADE... UM POEMA GOSTOSO DE SE LER... BJS NO CORAÇÃO..
VÃ - AMISTICA

André Luís Gabriel disse...

Jogo de palavras com imenso sentido. Belíssimo.
Gabriel http://trajedia.zip.net